Celebração marca envio dos padres Beto e Sebastião

Uma celebração, no próximo domingo, 18 de fevereiro, às 19h, irá marcar o envio dos padres Norberto Coltro ( Pe. Beto) e Sebastião de Vargas Furtuna para suas novas missões pastorais. A missa, na igreja Santa Catarina, também será sinal de acolhida ao padre Elton Marcelo Aristides, que atuará na Paróquia, e ao seminarista Joacir Marcolin, que fará estágio pastoral nas comunidades. Logo depois, haverá confraternização no Salão Paroquial.

Continue lendo “Celebração marca envio dos padres Beto e Sebastião”

Anúncios

Curiosidades sobre a Quaresma

A Quaresma é um tempo litúrgico em que por 40 dias a Igreja chama os fiéis à penitência e à conversão, para se preparar verdadeiramente para viver os mistérios da Paixão, Morte e Ressurreição de Cristo na Semana Santa.

Continue lendo “Curiosidades sobre a Quaresma”

Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma 2018

«Porque se multiplicará a iniquidade, vai resfriar o amor de muitos» (Mt 24, 12)

Amados irmãos e irmãs!

Mais uma vez vamos encontrar-nos com a Páscoa do Senhor! Todos os anos, com a finalidade de nos preparar para ela, Deus na sua providência oferece-nos a Quaresma, «sinal sacramental da nossa conversão», que anuncia e torna possível voltar ao Senhor de todo o coração e com toda a nossa vida.

Com a presente mensagem desejo, este ano também, ajudar toda a Igreja a viver, neste tempo de graça, com alegria e verdade; faço-o deixando-me inspirar pela seguinte afirmação de Jesus, que aparece no evangelho de Mateus: «Porque se multiplicará a iniquidade, vai resfriar o amor de muitos» (24, 12).

Continue lendo “Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma 2018”

O que fazer com meu ramo depois do Domingo de Ramos?

IMG_6002.JPGAssim rezamos na oração de bênção dos Ramos: “Deus eterno e Todo Poderoso, “abençoai” estes ramos, para que, “seguindo” com alegria o Cristo, nosso Rei, cheguemos por ele à eterna Jerusalém”. Nesse sentido, guiados por essa oração temos duas palavras que nos ajudam refletir a importância e o significado dos ramos.

A invocação feita é um pedido de bênção para os ramos que temos em mãos ou que estão adornando o local da celebração. No “abençoai” se manifesta o pedido da Igreja terrestre e peregrina, que quer e deseja entrar na Jerusalém Celeste.

Continue lendo “O que fazer com meu ramo depois do Domingo de Ramos?”

Tem dúvidas sobre a Confissão? O Papa Francisco responde

20160303_174111.png

Em uma das suas catequeses, o Papa falou precisamente da confissão, um sacramento muitas vezes considerado “fora de moda” e cada vez menos praticado. No entanto, ela é um meio concreto para viver uma experiência da misericórdia do Deus vivo, que liberta o nosso coração do peso do pecado que nos oprime.

Deixemo-nos ensinar pelo Santo Padre, que responde de maneira muito simples e direta a várias objeções que costumamos colocar ao sacramento da Reconciliação.

Os trechos a seguir são palavras do Papa Francisco. O texto completo pode ser lido clicando aqui. Aqui, apenas colocamos alguns títulos, para que identifiquemos melhor seu conteúdo.

Continue lendo “Tem dúvidas sobre a Confissão? O Papa Francisco responde”

Paróquia retoma Missas nos Pavilhões da Festa da Uva

IMG_2290.JPGNo próximo domingo, 02 de abril, a Paróquia Santa Catarina irá retomar as celebrações que acontecem mensalmente na Capela de Santa Teresa, na Réplica de Caxias, nos Pavilhões da Festa da Uva. A Missa terá início às 11h, com a presença do Grupo Escoteiro Moacara.

A parceria entre a Paróquia e a Festa da Uva tem o intuito de levar ao conhecimento da comunidade caxiense e dos turistas, a riqueza cultural e religiosa presente no espaço, que imita o cenário do povoamento do município. A Capela homenageia Santa Teresa D’Ávila, padroeira de Caxias do Sul.

Continue lendo “Paróquia retoma Missas nos Pavilhões da Festa da Uva”

Por que viver a Quaresma?

Missa-Imposição-das-Cinzas-2017-7-e1488398252438.jpg

A Quaresma é o tempo litúrgico de conversão, que a Igreja marca para nos preparar para a grande festa da Páscoa. É tempo para nos arrepender dos nossos pecados e de mudar algo de nós para sermos melhores e poder viver mais próximos de Cristo.

A Quaresma dura 40 dias; começou no último dia 1º de março, Quarta-feira de Cinzas e termina na tarde de 13 de abril, Quinta-feira Santa. Ao longo deste tempo, sobretudo na liturgia do domingo, fazemos um esforço para recuperar o ritmo e estilo de verdadeiros fiéis que devemos viver como filhos de Deus.

A cor litúrgica deste tempo é o roxo, que significa luto e penitência. É um tempo de reflexão, de penitência, de conversão espiritual; tempo e preparação para o mistério pascal.

Continue lendo “Por que viver a Quaresma?”