Paróquia Santa Catarina reúne fiéis para vigília pelas Eleições 2018

Além do pleito, momentos de oração irão recordar o Sínodo da Juventude e o Dia do Nascituro

A Paróquia Santa Catarina irá realizar, no próximo sábado, 06 de outubro, a partir das 19h, uma vigília de oração pelas Eleições 2018. Para os católicos, momentos como este reforçam o clamor para que os eleitos sejam iluminados pelo Espírito Santo e possam governar o Rio Grande do Sul e o Brasil tendo em vista o bem comum. Além disso, serve para pedir a Deus para que os cristãos votem de forma consciente. O local escolhido é a igrejinha da comunidade Santa Lúcia.

Continue lendo “Paróquia Santa Catarina reúne fiéis para vigília pelas Eleições 2018”

Anúncios

Comunidade Santa Lúcia recebe Jornada Diocesana da Juventude

Evento contará com Caminhada pela Paz, espiritualidade, catequeses, música e Santa Missa

O gostinho vivenciado por milhares de jovens da região, em 2013, quando o Brasil sediou a Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro, motivou que outros encontros proporcionassem ao menos parte da experiência vivenciada no evento mundial. Um deles está chegando e acontece no dia 14 de julho de 2018, na Igreja da Comunidade de Santa Lúcia.

Continue lendo “Comunidade Santa Lúcia recebe Jornada Diocesana da Juventude”

Algumas percepções sobre Baleia Azul

Não-instale-o-jogo-da-Baleia-Azul-porque-ele-rouba-os-seus-dados-diz-boatoEngraçado. Todos agora falando de “Baleia Azul” e de suicídio juvenil, todos preocupados, como se o problema fosse novo. Mas, o mais engraçado é que estão querendo acabar com o jogo, ou ainda, os mais ousados dizendo que é falta de chinelo.  Me impressiona isso, porque não se está atacando a raiz do problema. O adolescente que entra no jogo e vai até o fim não faz isso de um dia para o outro. Muitas tarefas do jogo são de automutilação.

Me pergunto: como os pais (e também educadores nas escolas) não percebem que o adolescente está com cortes nos braços, na palma das mãos, nos lábios? Ficar um dia sem conversar com ninguém e isolados de tudo e todos. Como não percebem que o filho sai de casa durante a madrugada? Será que o problema está somente no jogo? Diria mais, e os jovens que buscam suicídio por não se sentirem aceitos em sua própria casa por suas escolhas?

Continue lendo “Algumas percepções sobre Baleia Azul”